Dicas de Caye Caulker e San Pedro, Belize

  • 10 de março de 2020


Em janeiro de 2020 passamos seis maravilhosos dias em Belize, país pouquíssimo conhecido e explorado que fica na América Central ao lado do México e da Guatemala.

 

Belize é um país sensacional! Repleto de ilhas, praias paradisíacas, florestas, ruínas maias e muita natureza! Escrevemos um post índice falando todas as dicas do país de uma forma geral e agora vamos nos aprofundar em Caye Caulker e San Pedro, duas das ilhas que fiquei hospedado.

 

Nosso roteiro em Belize:

 

 

O principal objetivo da minha viagem foi conhecer as lindas ilhas de Belize, suas praias, pontos de mergulho e a lendária Blue Hole.  Pensando nisso resolvi montar meu roteiro explorando as ilhas de Caye Caulker e San Pedro. Minha primeira parada foi Cay Caulker, local onde passei 3 dias inteiros e aproveitei para fazer inúmeros passeios e mergulhos, e depois segui para San Pedro, destino mais visitado de Belize onde fiquei dois dias inteiros e fiz também vários passeios pelo Mar do Caribe.

 

Vejam nosso vídeo com os melhores momentos da nossa viagem e aproveitem e se inscrevam em nosso canal do youtube:

 

 

Quando ir para Caye Caulker e para San Pedro:

 

 

Belize possui um clima quente o ano inteiro, mas para fugir das chuvas, a época ideal para a viagem é entre janeiro a maio. Estive no final do mês de janeiro e tive a felicidade de pegar todos os dias ensolarados.

 

Como chegar em Caye Caulker e San Pedro:

 

 

Para chegar em Belize partindo do Brasil não é tarefa fácil, mas garanto que vale o esforço. Não existem voos diretos partindo do Brasil e as melhores opções são com conexões nos Estados Unidos, México e Panamá.

 

Chegando em Belize City, capital do país, você terá que pegar um táxi no aeroporto e ir até o local onde partem os water táxis, barcos e lanchas que levam até as ilhas.  Pagamos cerca de 25 usd de táxi para ir até o centro de Belize City e comprar os tickets para ir até Caye Caulker e San Pedro. Como Caye Caulker foi a nossa primeira parada comprei apenas o ticket de ida de Belize City para Caye Caulker, porém o ticket de ida e volta era mais barato.

 

O trajeto dura cerca de 45 minutos e o barco e bem grande e razoavelmente confortável. O ticket pode ser comprado na hora e os horários de saindo e chegada são predefinidos e podem ser pesquisados no site www.belizewatertaxi.com.

 

O trecho entre essas duas ilhas é bem Simples de ser feitos. De Belize City para Caye Caulker são 45 minutos; de Caye Caulker para San Pedro são 20 minutos e de San Pedro para Belize City são 1 hora e 20 minutos.

 

Principais passeio em Caye Cauker e San Pedro:

 

Existe uma infinidade de passeios e atrações para se fazer em ambas as ilhas e os principais passeios aquáticos tem saída tanto de Caye Caulker como de San Pedro.

 

Sobrevoo na Great Blue Hole: sem dúvida alguma o grande buraco azul é a atração mais conhecida e cobiçada de Belize e ela pode ser visitada tanto através de um sobrevoo como através do mergulho de cilindro ou snorkeling.

 

 

Os sobrevoos saem da ilha de San Pedro e apenas duas empresas aéreas fazem o passeio! Recomendo comprar na própria ilha com um dia de antecedência para observar a previsão do tempo e escolher um dia de sol. Esse passeio custa em média 350 usd.

 

Mergulho na Great Blue Hole: fizemos esse passeio saindo de Caye Caulker, porém também é possível fazer saindo de San Pedro. Para os mergulhadores esse é um dos pontos mais desejados do mundo e já foi considerado pela National Geographic um dos melhores do mundo.

 

 

Esse passeio custa em média 300 usd e geralmente é vendido com um pacote de 3 mergulhos no Atol de Lighthouse Reef, o Atol mais bonito que conheci no Caribe até o momento.  De Caye Caulker até a Great Blue Hole são cerca de 2 horas de lancha rápida! Saímos por volta das 5 da manhã e o primeiro mergulho foi exatamente na Blue Hole.

 

O Buraco Azul é nada mais nada menos do que um buraco com 300 metros de diâmetro e 120 de profundidade que fica no meio do oceano. O mergulho é um mergulho bem técnico e pode ser feito por iniciantes (desce até 18 metros) e os avançados (profundidade máxima 40 metros).

 

Como tenho o curso avançado fiz a descida até 40 metros de profundidade! É um mergulho bem diferente. Me lembrou muito os mergulhos que eu fiz nas cavernas de Tulum, México. No início antes de adentrar a cratera é um mergulho normal com muita vida e uma visibilidade maravilhosa, mas depois que começamos a descer pelo paredão a luz começa a ficar mais fraca e o ambiente vai se transformado em uma imensa caverna com pouca vida marinha, entretanto com uma riqueza de estalactites muito grande.

 

Depois de mergulhar na Blue Hole seguimos para o nosso seguindo ponto de mergulho: o Halfmoon Caye. Esse foi sem dúvida alguma um dos melhores lugares que já mergulhei na vida. Visibilidade de 50 metros, muita vida marinha e formações de corais surpreendentes.

 

Durante o mergulho em Halfmoon Caye avistamos vários cardumes, moreias, arraias, tubarões e duas garoupas que nos acompanharam durante grande parte do mergulho e que faziam de tudo para que a gente fizesse um carinho nelas.

 

 

Após o segundo mergulho fomos descansar e almoçar na Half Moon Caye, uma ilha que fica no Atol de Lighthouse Reef, que sem dúvida foi um dos lugares mais lindos que já visitei em Belize. Lá tivemos cerca de 1 hora e meia para almoçar e explorar a ilha! A ilha é bem pequena, porém com várias praias lindas e um ponto de observatório de pássaros onde é possível admirar diversas espécies de aves.

 

Depois de conhecer a Halfmoon fomos para nosso último ponto de mergulho que se chamava Aquarium. Realmente esse ponto é um verdadeiro aquário repleto de vida marinha e muitas espécies de corais. Enfim, se você é mergulhador não deixe de fazer esse tour porque vale muitooo a pena.

 

 

Hol Chan Reserve Marine: A Reserva Marinha Hol Chan é uma reserva marinha perto de Ambergris Caye e Caye Caulker, na costa de Belize. Abrange aproximadamente 18 km² de recifes de coral, camas de ervas marinhas e manguezais. Existem várias formas de se conhecer essa reserva (passeio de barco, passeio de veleiro). Como eu estava com bastante dias na região contratei o passeio de dia inteiro de valeiro e adorei.

 

 

O passeio de dia inteiro custou 75 usd e incluía 3 paradas e bebida e alimentação. As paradas foram no Shark Ray Alley, local repleto de tubarões e arraias; na Reserva Marinha de Hol Chan Reserve, canal bem profundo onde é possível ver de perto várias espécies de peixes e em um local repleto de corais com um mar lindo.

 

 

O que fazer em Caye Caulker:

 

A Ilha de Caye Caulker é onde você vai encontrar a verdadeira essência do Caribe. Um local que ainda não foi descoberto pelo turismo em massa.

 

 

O Tema da ilha é “GO SLOW” e é exatamente isso que acontece. Lá não existem carros, o transporte ou é a pé ou de carrinho de golfe; a ilha não possui asfalto; não existem resorts, apenas pequenas pousadas; não existe franquias de restaurantes, existe pequenos e deliciosos restaurantes.

 

 

Estando em Caye Caulker não deixe de passear na rua principal tanto durante o dia como durante a noite. Se gostar de badalação não deixem de ir na ponta norte da ilha ao local que se chama The Split e é onde acontece o melhor pôr do sol da ilha com boa música e ótimos drinks do Lazy Lizard.

 

 

Para comer e beber se esbalde no churrasco de lagosta e peixe que são vendidos na rua principal (avenida hicaco); não deixem de provar a cerveja local e se gostar de animação vá ao Sport Bar e ao Reggae Bar.

 

 

Onde se hospedar em Caye Caulker:

 

Como já mencionei a Ilha não possui resorts, possui apenas pequenas pousadas que em sua grande maioria são bem simples. Eu fiquei hospedado na Pousada Sea Dreams e gostei bastante. Ela fica muito bem localizada, ao lado do The Split; possui quartos confortáveis e um bar com ótimos drinks.

 

 

Outras opções de hotéis e pousadas por lá são o Jan´s Hotel, Panchos Villa e o La Isla.

 

O que fazer em San Pedro:

 

San Pedro é uma ilha completamente diferente de Caye Caulker. San Pedro ficou bastante famosa por ter sido a ilha que Madonna se refere na música “La Isla Bonita”. San Pedro é bem grande e é bem parecida com as outras ilhas do Caribe.

 

 

Para se locomover em San Pedro é preciso alugar um carrinho de golfe ou pegar um táxi. Em contrapartida, a ilha possui ótimas opções de hotéis; uma infinidade de opções de restaurantes e diversão e muitas empresas que fazem passeios.

 

Estando por lá não deixem de ir ao Palapa Bar and Grill, bar e restaurante que toca todas as noites música ao vivo; vá na pracinha central da cidade que se chama Central Park e ande pela orla de areia descobrindo os restaurantes e cantinhos da ilha.

 

Onde se hospedar em San Pedro:

 

Eu fiquei hospedado SunBreeze hotel e recomendo. O hotel fica na beira da praia, próximo das principais atrações de San Pedro, possui quartos amplos, bom restaurante e um dive center muito bacana que me levava para os principais pontos de mergulho.

 

 

Outros hotéis legais na ilha são o Ramons Village Resort, o The Phoenix Resort e para quem gosta de hostel o SandBar.

 

Caye Caulker ou San Pedro:

 

 

Essa é uma questão muito pessoal. Posso dizer com sinceridade que gostei dos dois destinos, porém como eu prefiro destinos mais autênticos eu preferi Caye Caulker, pois foi apenas lá e em Providência na Colombia que encontrei esse Caribe raiz ainda pouco explorado.

 

Se você prefere resorts e ter uma maior opção de restaurantes e badalação sem dúvida San Pedro é o destino mais recomendado.

 

O que achei de Belize:

 

 

Belize é um destino surpreendente. Valeu muito a pena ter conhecido mais esse país da América Central, principalmente para mim que sou apaixonado por praia e mergulho. Recomendo que for visitar esse país considerar um roteiro combinado com o MÉXICO (vejam nossas dicas) e com a GUATEMALA (clique aqui e confiram nosso guia do país).

 

Seguro viagem:

 

Sempre que viajamos para o exterior fazemos seguro viagem internacional. Para essa viagem não poderia ser diferente. Fizemos nossa cotação através do Real Seguro Viagem que é uma empresa bastante seria e que nunca nos deixou na mão. Para fazer uma cotação é só CLICAR AQUI.

 

Aluguel de Carro:

 

Para quem gosta de comodidade e maior liberdade nas viagens faça a cotação para locação do seu carro por aqui. CLIQUE AQUI e faça seu orçamento sem compromisso



Esse artigo foi lido 84 vezes!

Sobre o Autor

Marcio Vital Valença

Advogado e explorador do mundo nas horas vagas. Conhece mais de 55 países em todos os continentes. Instagram @marcionomundo


Veja Também