Conhecendo as principais atrações de Toronto

  • 03 de junho de 2018


O Canadá era um país que sempre esteve na minha lista de desejos! Vez por outra me pegava imaginando em uma viagem à Vancouver e conhecendo todos àqueles lindos lagos na região de Banff, contudo, Toronto acabou sendo nossa primeira parada no país! Compramos uma passagem promocional da Air Canadá com destino à Tel Aviv, em Israel, e fizemos uma conexão de mais de 12 horas e optamos por descer a conhecer as principais atrações.

 

Toronto é a maior cidade do Canadá e possui cerca de 3 milhões de habitantes! Como toda cidade grande possui uma infinidade de atrações turísticas, portanto recomendamos 3 ou 4 dias para conhecer seus principais pontos turísticos.

 

Vejam o vídeo do nosso passeio por Toronto e aproveitem e assinem nosso canal.

 

Visto para o Canadá:


Até maio de 2017 os brasileiros precisam de visto para ingressar no Canadá. No nosso caso como era uma conexão existiam duas opções: tirar o visto de trânsito e permanece no aeroporto durante toda a conexão ou tirar o visto de turismo e descer para conhecer a cidade. Não pensamos duas vezes e como somos apaixonados por um novo carimbo no passaporte não perdemos a oportunidade.Para maiores informações sobre como tiramos o visto no canadense CLIQUE AQUI.

 

Como conhecemos a cidade:


Existiam duas opções para conhecer a cidade de Toronto. A primeira e mais barata seria ir por conta própria pegando o trem do aeroporto que leva até o centro da cidade e de lá conhecer as principais atrações de metrô ou até mesmo caminhando. Ponto positivo: Opçao mais barata. Ponto negativo: conheceríamos bem menos atrações que um transporte privativo.

 

 

A segunda opção seria contratar um serviço privativo tipo um city tour com um motorista brasileiro que faria um roteiro previamente definido e escolhido por nós com toda consultoria dele. Foi essa a opção que escolhemos! Ponto positivo: otimizou demais nosso tempo e conhecemos praticamente todas as atrações da cidade. Ponto negativo: o passeio custou 300 usd o carro, o que pode ser bastante oneroso apenas para um casal, mas como estávamos em 5 pessoas pagamos 60 usd por pessoa.


Contratamos o Sr. Murilo, brasileiro que vive há 3 anos em Toronto e que conhece tudo da cidade. Pagamos cerca de 60 usd por pessoa por um city tour completo pela cidade. Para maiores informações entrem em contato por e-mail muriloelbas@gmail.com. 

 

Nosso roteiro em Toronto:


A primeira coisa a se fazer é estudar bem as atrações da cidade e escolher quais são seus pontos de interesse. Um ponto bastante favorável é que as principais atrações da cidade ficam na região da Downtown a poucos metros umas das outras, salvo a Casa Loma que fica um pouco mais afastada. Obs.: se você não tiver tempo de estudar um roteiro fique despreocupado pois o Murilo lhe levará para as melhores atrações da cidade!

 

Chegamos por volta das 5:30 da manhã no aeroporto internacional de Toronto. Passamos pelo processo de imigração que foi super tranquilo e trocamos de roupa! Nosso motorista nos pegou pontualmente às 7:00 da manhã em um carro da marca KIA bastante confortável.


Saímos em direção a Downtown e nossa primeira parada foi na Canadá Square, praça simpática na beira do lago Ontario, um dos maiores lagos do Canadá e do mundo. A praça possui uma linda vista para a Skyline da cidade com destaque para a CN Tower, arranha-céu mais alto de Toronto, onde é possível subir e ter uma vista panorâmica de toda cidade. 


No dia que estávamos na cidade o clima variou demais. Iniciou nublado, depois nevou e por fim fez sol! Em razão dessa mudança climática optamos por não subir na CN Tower, entretanto, quem tiver tempo na cidade e pegar um belo dia de sol a atração é imperdível. 


Nossa segunda parada foi na Nathan Phillips Square, uma das principais praças da cidade onde fica localizada a prefeitura da cidade; o letreiro com o nome Toronto e o Old City Hall. Ficamos mais ou menos trinta minutos do local admirando toda sua beleza. 


No inverno fica montado no centro da praça uma pista de patinação no gelo onde é possível patinar de graça! Se não tiver equipamento precisa alugar por um valor bem em conta! 

 

 

Depois partimos para o Campus da Faculdade de Toronto. Os edifícios do complexo são belíssimos e possuem uma arquitetura de cair o queixo. Aproveitamos e tiramos varias fotos no local. Os jardins que cercam o campus são muito bem cuidados e bonitos.


A cidade de Toronto possui vários mercados! O principal é o de St. Lawrance, que fica situado na Downtown. Nele é possível encontrar de tudo. Desde de temperos até comidas especiais. No dia que estávamos na cidade o mercado estava fechado, porém, o Mercado de antiguidades de St. Lawrance estava aberto e aproveitamos para dar um passeio no local. 

Depois paramos no Royal Alexandra Theater; no Roy Thompso Hall, casa de espetáculo bastante famosa na cidade; na Catedral de St. Andrew's; e no Path, cidade subterrânea que existe no underground de Toronto. Todas essas atrações ficam uma do lado da outra na mesma Rua. 

 

Pelo fato do inverno de Toronto ser bastante rigoroso alcançando temperaturas de -25 graus a cidade se desenvolveu embaixo da terra! Segundo nosso guia existem mais de 20 km de área construída no subsolo! São diversas lojas, restaurantes e metrô! Tudo isso interligado com os principais prédios comerciais da cidade!  Nosso guia fez questão de nos falar para ver como funciona todo esse sistema.


Aproveitamos ainda para conhecer por fora os três principais estádios da cidade: o estádio Rogers Center, casa do Blue Jays; o Air Canadá Arena, estádio de basquete do Toronto Raptors e o BMO Field, estádio de futebol da cidade. 


Nossa outra parada  foi na Casa Loma, um casarão em formato de Castelo que foi durante vários anos a maior casa da América do Norte. Para entrar no local é preciso pagar um ingresso de 20 dólares canadenses!


Ficamos cerca de 30 minutos na casa e conhecemos quase todos os aposentos! Os que mais chamaram atenção foram o seu terraço e duas torres que possuem uma vista linda da cidade e os vários quartos decorados com arquitetura da época.


Por fim, fomos conhecer o coração de Toronto a famosa Dundas Square, região com vários letreiros, lojas, restaurantes e o maior shopping da cidade o Eaton Center. A região lembra muito a Times Square, em Nova Iorque, e a Piccadly Circus, em Londres. Para finalizar o passeio nosso motorista nos levou no bairro de Chinatown para comprar alguns souvenirs. Voltamos para o aeroporto às 14:20 horas e embarcamos às 17:00 para Israel. 

 

Adoramos ter conhecido a cidade de Toronto e suas belas atrações! Nosso primeiro contato com o Canadá foi muitoooo positivo e esperamos em breve voltar para desvendar outros destinos desse país encantador. Qualquer dúvida que porventura tenham é só deixar uma perguntinha que teremos o maior prazer em respondê-los.



Esse artigo foi lido 1068 vezes!

Sobre o Autor

Marcio Vital Valença

Advogado e explorador do mundo nas horas vagas. Conhece mais de 35 países em todos os continentes. Instagram @marcionomundo


Veja Também