Joanesburgo - onde se hospedar?

  • 03 de dezembro de 2013


Joanesburgo, capital da África do Sul, é uma cidade grande, espalhada e com muitos bairros diferentes.

 

A escolha do local adequado para hospedagem é um dos pontos mais importantes do planejamento da viagem, pois as distâncias de um ponto de interesse a outro podem ser grandes e o transporte público deixa a desejar.

 

Eu geralmente escolho meus hotéis levando em consideração a próximo de uma área comercial (shoppings, ruas comércias, atrações turísticas).

 

Depois de fazem uma boa análise de Joanesburgo e verificar que a cidade ainda peca no quésito segurança, optamos por nos hospedar na região de Sandton.

 

A região é repleta de bons hotéis,  shoppings, restaurantes e uma estação de trem.

 

 

Nesta região, uma ótima dica é ficar no entorno de Sandton City e Mandela Square, onde você pode caminhar com tranquilidade e escolher entre os vários restaurantes para fazer sua refeição.

 

Em nossa pesquisa, observei que muitos hotéis dessa área, mesmo que não fiquem juntinho de Sandton City, oferecem transporte gratuito ao lugar.

 

Os valores cobrados em Joburg se compara aos preços cobrados nas capitais do Brasil.

 

Existem opções de todos os preços e diferentes níveis de conforto em todas as áreas da cidade. Mesmo em regiões como Sandton, considerada por muitos um região mais cara, você encontra acomodações por um bom custo-benefício.

 

Os principais hotéis de Sandton são: Radisson Blu, Garden Court Sandton City, Holiday Inn Sandton, Intercontinental Johannesburg Sandton Towers, Hilton Sandton, entre outros.

 

Ficamos Hospedados no Radisson Blu Gautrain e adoramos. Pagamos cerca de 75 usd pela diária e vale cada centavo. O restaurante do hotel é maravilhoso e todas as acomodações são impecáveis.

 

 

Espero que tenham gostado das dicas.



Esse artigo foi lido 8883 vezes!

Sobre o Autor

Marcio Vital

Sou Advogado especialista em Direito Civil, Imobiliário e Trabalhista. Meu principal lazer é viajar e fotografar o mundo. Tenho um instagram que funciona como um microblog sobre minhas viagens e hoje conta com mais de vinte e cinco mil seguidores @marcion


Veja Também