Marcio no Mundo




Dicas de Key West: atrações, passeios, hotéis e muito mais


Publicado em 26 Ago 18



Booking.com



Descubra como otimizar seu tempo em um único dia na cidade mais ao Sul dos EUA.

 

Continuando nossos roteiros da Flórida, a cidade da vez é Key West, a última ilha do arquipélago chamado Flórida Keys, do qual cerca de 1.700 ilhas fazem parte.

 



 Overseas Highway - A famosa estrada sobre o mar.
 

Quem nunca ouviu falar que só a estrada para Key West já faz valer a pena toda a viagem? Que fique bem claro que isso é uma grande verdade, ok?! Podem aguardar paisagens impressionantes até Key West, partindo de Miami são mais ou menos 255 km e você atravessará 42 pontes suspensas sobre o mar até chegar lá, uma travessia em uma estrada sobre o mar simplesmente inesquecível.


Paisagem às margens da Seven Miles Bridge, uma das mais famosas e longas pontes do mundo, vale a pena uma parada aqui para contemplar o visual.
 

Cidade costeira tranquila e cheinha de praias lindas, ela se destaca mais ainda por seus recifes de coral e por ser um ótimo destino para a prática de mergulho e snorkeling, além de ser recheada de histórias. Estando a apenas 90 milhas de Cuba, Key West foi destino para muitos cubanos que queriam escapar do regime comunista do seu país.
 

Quando ir a Key West?

 

A cidade mais ao Sul dos EUA tem clima parecido com o do nosso Brasil, muito sol, calor e às vezes bastante úmido. No inverno, assim como toda a Flórida o clima permanece bastante agradável, porém é importante falarmos da época que os turistas devem evitar devido a furacões que é de julho a novembro, tendo como ápice do risco o mês de setembro. A cidade é uma das mais atingidas no mundo por furacões. O período de janeiro a março é o preferido dos americanos, fomos em maio e estava bem quente, porém com chuvas.
 

Como se Locomover em Key West?

 

Transporte público, a maioria dos hotéis disponibilizam para os hospedes um ônibus turístico que passa nos hotéis e os deixam bem no centro histórico, de lá da para conhecer a cidade inteira a pé como fizemos e depois voltar para os hotéis no mesmo transporte. É bem complicado conseguir estacionar dentro do centro histórico e por isso não recomendamos o uso de veículos caso tenham alugado como no nosso caso, para evitar perder tempo.
 

Onde se Hospedar em Key West?

 

Ficamos hospedados no The Gates Hotel Key West da mesma rede que nos hospedamos em Miami e foi uma experiência fantástica! O hotel é todo moderninho, tem um food truck particular, um lounge para charutos e uma destilaria de rum. E além disso tudo, aceita cães de todos os portes! Não é demais?

 

Lobby do The Gates Hotel Key West.
 

Quartos espaçosos, bem decorados e muito confortáveis.


Rum Row - O bar do hotel é uma verdadeira destilaria de rum a sua disposição.


Piscina do The Gates Hotel Key West.


The Blind Pig - O estiloso e delicioso Food Truck do Hotel.

 

Sunset Green - Um grande espaço perfeito para realizar eventos, como casamentos ao ar livre por exemplo, um charme!

 

Foto site do hotel.

 

 

 

Roteiro de um dia em Key West:

 

Após conhecermos o hotel e tomarmos um drink no bar Rum Row que é uma atração à parte dentro do próprio hotel, pegamos o ônibus turístico bem na porta do The Gates e seguimos para o centro histórico. Descemos bem na Mallory Square, o ponto de partida perfeito para conhecer a cidade da melhor maneira, a pé!


Mallory Square.
 

Na Mallory ficam algumas atrações pagas como Conch Tour Train ( um trenzinho que faz um passeio pela ilha ), o Museum Key West Shipwreck e até um Aquarium que são ótimas atrações para quem vai com crianças. Além disso muitos quiosques com artesanatos locais, bares e restaurantes você também encontrará nesta praça.
 

Optamos por caminhar até o ponto turístico mais famoso da cidade, o Southernmost Point, e para isso saímos da Mallory Square e seguimos pela Whitehead Street que é uma rua super charmosa e cheia de casas no estilo “conch" em tons pastéis, típicas do sul da Flórida, o legal deste trajeto é justamente poder observar como os locais vivem na cidade, e apesar de parecer longo o caminho pelo mapa, é super tranquilo e a rua é bem arborizada o que ajuda bastante a quem vai nos períodos mais quentes.

 

Whitehead Street e as casas no estilo “conch".
 

Chegando no Southernmost Point, o grande cone símbolo da cidade e que indica que aquele é o local mais ao sul dos EUA, encontramos uma fila não tão grande, mas considerável para o calorão que fazia naquele dia, porém não havia outra maneira de conseguirmos uma foto com o bendito cone rsrsrsrs.


O famoso e enorme cone que indica que aqui é o ponto mais ao sul dos EUA.
 

A poucos metros do maior ícone da cidade, andando sentido Duval Street, você chegará em South Beach uma das lindas praias da cidade, vale a pena uma parada para fotos ou aproveitar mais por ali para quem tem mais tempo e fazer snorkeling por exemplo.


 South Beach.
 

Saindo de South Beach e voltando para o início da Duval Street, a rua mais famosa da cidade, já percebemos uma concentração maior de turistas, lojas, bares e restaurantes. Sem duvidas esta rua é um dos pontos da cidade que você deve considerar para um almoço/jantar, ou petiscar com bons drinks num dos divertidos bares que encontrará por lá, se quer uma dica o Sloppy Joe’s Bar é super tradicional na cidade e o Willie T’s é uma opção muito legal e diferente por sua tradição de cada visitante colar uma nota de um dólar em algum lugar dele, o difícil é encontrar um local que ainda não tenha notas rsrsrs. Os preços são bons, as entradas custam em torno de U$ 10 e pratos principais vão de U$ 14 a U$ 28

.

Duval Street.


Willie T’s - O bar milionário em Key West.


Hard Rock Café na Duval Street.

 

Após passarmos a maior parte do dia na Duval Street, chegamos ao final dela e basta virar a direita e seguir até o fim para chegar em mais um ponto turístico e histórico de Key West, o Historic Seaport Harbor Walk, um porto onde ficam muitos barcos atracados e de onde saem muitos passeios interessantes pelos arredores de Key West. Este é outro ponto que vale a pena escolher um restaurante para almoço/jantar caso estejam com fome ao chegar até aqui, o cheirinho de frutos do mar é bem convidativo.

 

Seaport Harbor Walk.

 

Os barcos atracados no porto histórico e de onde saem os barcos a caminho de diversos passeios.

 

O Harbor Walk é um dos incríveis passeios cénicos da cidade, com certeza vale a pena um passeio sem pressa, apreciando cada detalhe deste lugar, por isso cuidado com o tempo gasto na Duval Street caso tenha um só dia na cidade, pois este ponto também merece sua atenção e com certeza renderá belas fotos.
 

Escolhemos jantar no The Commodore’s Boathouse Bar & Grill que tem um ambiente bem descontraído, com boa musica, comida em grandes porções e bebidas elaboradas. Os preços são bem parecidos com o do Willie T’s.
 

The Commodore’s Boathouse Bar & Grill.
 

Uma das vantagens de ir no verão é que anoitece bem mais tarde, por volta de 20:30/21:00 e isso faz com que todo o passeio renda muito mais. Saindo do restaurante ainda deu tempo de conhecer a praia queridinha dos locais e eleita como a melhor da cidade por eles, Lagerheads Beach é o nome dela! E que belezura de águas cristalinas ela tem.

 

Lagerheads Beach - A praia queridinha dos locais.

 

Leagerheads Beach.
 

Para chegar até ela saindo do porto, basta voltar no sentido Duval Street e entrar na primeira rua a direita, seguindo até o fim da rua você chegará na praia.
 

Para fechar o dia com chave de ouro, nada como ver o pôr do sol num dos lugares mais bonitos do mundo para apreciá-lo, devido a localização, Key West é um dos poucos lugares do mundo que nos permite ver o sol se pondo no Golfo do México, e não é que tivemos o azar de no único dia que dormimos na cidade chover exatamente ao cair da noite? Mas caso na sua vez na cidade isto não aconteça, o local perfeito para ver o pôr do sol é no píer que você encontrará saindo de Lagerheads beach e voltando em direção a Duval Street, dessa vez passe a Duval e a próxima rua, Exchange Street é a que você seguirá até o final e onde vai dar de cara com um deck cheio de restaurantes e pessoas, vai logo perceber que está no lugar certo!


Píer para apreciar um belo pôr do sol.
 

Visitamos o local no dia seguinte antes de deixarmos a cidade com um aperto no coração pelo pôr do sol desperdiçado, porém já com um ótimo motivo para voltar.
 

Bom pessoal, assim termina nosso roteiro de Key West, agradeço a quem leu até aqui e qualquer duvida ou comentário por favor deixem aqui em baixo que conversarei com vocês. Até o próximo post galera!

 

Hospedagem:

 

Reservem seus hotéis através dos nossos links do BOOKING.COM. CLIQUE AQUI.

 



Esse artigo foi lido 774 vezes!


Texto Escrito Por:

Gueu Medeiros

Administradora, trabalhou em várias multinacionais, sua paixão é viajar! “Adoro inspirar pessoas com a mesma paixão” confira o instagram @viagensdagueu



Comentários

Publicidade




Booking.com

Seguro viagem geral 250x250

Encontre-nos no Facebook




Posts Relacionados


Dicas de Key West: atrações, passeios, hotéis e muito mais

26 Ago 18

Roteiro de três dias em Miami: dicas, atrações, hotéis, passeios e muito mais

21 Jun 18

Dicas de Napa Valley: passeios, vinícolas, hotéis e muito mais

30 Abr 18

Posts Mais Populares


Alagoas: Dicas de São Miguel dos Milagres

Alagoas

Guia completo de Maceió

Alagoas

Praia do Patacho - uma das praias mais bonitas do Brasil

Alagoas