Mendoza / Argentina - O paraíso dos vinhos e da boa gastronomia

  • 03 de outubro de 2014


A cidade de Mendoza foi uma grata surpresa em nosso roteiro pela Argentina e pelo Chile. Já imaginávamos que a cidade possuía ótimas vinícolas, porém não sabíamos da excelente gastronomia, dos bons hotéis e da linda cidade repleta de praças.

 

Neste post vamos dar dicas de Mendoza, na Argentina, que é uma das maiores produtoras de vinho do mundo e a maior da América Latina, representando 70% do vinhedo argentino. 

 

Mendoza é uma grande cidade da Argentina, mas não tem, nem de longe, a agitação de Buenos Aires. Cortada por largas avenidas e cheia de belas praças e parques, que formam um verdadeiro xadrez retangular e simétrico, é uma cidade que permite ao visitante se orientar facilmente.

 

Vinhedos com a Cordilheira dos Andes ao fundo.

 

Para os amantes da boa culinária e dos bons vinhos, Mendoza é um destino imperdível. A cidade conta com centenas de Bodegas (leia-se vinícolas) e uma infinidade de ótimos restaurantes, alguns deles com os mais renomados chefs da Ámerica do Sul.

 

Degustação de vinhos na Bodega Ruca Malen.

 

Como ir para Mendoza?

 

Avião - O aeroporto El Plumerillo fica a aproximadamente 10 km da cidade de Mendoza. Há vôos diretos de Buenos Aires, e o tempo de viagem é de 1h e 50 minutos. Já de Santiago, no Chile o voo dura 45 minutos.

 

Ônibus - De Buenos Aires (Terminal Retiro), a Mendoza são 14 h de viagem. De Santiago do Chile, a Mendoza, 6h30. De Córdoba a Mendoza, 7h15.

 

Carro - De Buenos Aires a Mendoza pegue a RN 7. São 1.050 km de distância. De Córdoba a Mendoza pegue a RN 20 e depois a RN 142: são 680 km. De Santiago são 6 horas.

 

Onde se hospedar:

 

A cidade conta com uma vasta rede hoteleira com preços bastante acessíveis. Os principais hotéis da cidade são: Hotel Hyatt, Diplomatic, Sheraton, Intercontinental, Raices Aconcágua, entre outros.

 

Ficamos hospedados no hotel Hyatt e adoramos. Na realidade o hotel é uma atração a parte. Conta com três ótimos restaurantes, SPA e bares. Quer saber mais sobre o Hotel? Escrevemos um post específico sobre ele. CLIQUE AQUI.

 

Hotel Hyatt.

 

O hotel fica localizado em frente a praça independência, a principal praça da cidade, próximo ao comércio e dos principais restaurantes da cidade. FAÇA SUA RESERVA CLICANDO AQUI.

 

Plaza Independência.

 

Reservem seus hotéis através dos nossos links (banners) do Booking que estão presentes no site! Ganhamos com isso uma pequena comissão e você não terá nenhum custo extra com isso! Apenas estará nos ajudando a postar todo esse conteúdo grátis. 

 

Quando ir:

 

Arquitetura diferenciada das vinícolas.

 

Mendoza é uma daquelas cidades que podem ser visitadas todo o ano, mas o melhor período é a época da colheita das uvas, pois é neste período (mês de março) que se pode observar todo o processo de produção nas vinícolas.

 

Bodegas.

 

Como conhecer as vinícolas:

 

Existem duas formas de se conhecer as vinícolas, uma seria através de aluguel de carro e outra por remisses (motoristas particulares).

 

 

O aluguel de carro sai mais em conta, porém é mais arriscado pois o GPS não leva para todas as vinícolas e além disso, a Argentina possui leis rigorosas em relação a dirigir sob efeito do álcool.

 

 

Os remisses têm o preço mais elevados, mas possui algumas vantagens como reserva de vinícolas e ter um guia/motorista explicando toda a história da região. Fizemos todos os nossos passeios com a empresa Nossa Mendoza com o Motorista e proprietário chamado Santiago. Adoramos tudo, desde a pontualidade ate a indicação das melhores Bodegas e restaurantes. Segue o whats app para os interessados +5492615260932 ou e-mail para cotação info@nossamendoza.com . Obs.: praticamente todas as vinícolas precisam de reservas! Várias vinícolas contam com almoço estilo menú degustação e vale muito a pena almoçar nelas.

 

Principais vinícolas:

 

Os três principais vales de produção de vinho de Mendoza são:

 

(i) Vale do Maipu - as principais Bodegas (maneira que os argentinos chamam as vinícolas)  desta região são:  Domaine St. Diego, Familia Zuccardi, Familia Di Tommaso, Finca Flichman, La Rural (Rutini), Lopez, Carianae, Cecchin, Trapiche, Club Tapiz, Tempus Alba, Vistandes;

 

 

(ii) Vale do Uco - é o vale mais afastado, porém conta com várias bodegas de excelente qualidade. As principais são: O. fournier, Bodega La Azul, Poleta Estate e Bodega Salentein;

 

Bodega Salentein no Vale do Uco.

 

(iii) Vale do Lujan de Cuyo. - as principais bodegas dessa região são: Bodega Catena Zapata (uma das bodegas mais conhecidas do mundo), Bodega Ruca Malen, Bodega Diminio del plata e Norton.

 

Vista da Bodega Catena Zapata no Vale do Lujan de Cuyo.

 

Outras atrações:

 

Outra grande atração em Mendoza é o passeio da Alta montanha, que passa pela Ponte del Inca e pelo famoso monte Aconcágua. Esse passeio dura um dia inteiro e pode ser feito tanto por remisse como por conta própria alugando carro.

 

Atrações no centro de Mendoza:

 

As principais atrações da cidade de Mendoza são:

 

(i) as praças da cidade: Mendoza possui muitas praças e uma boa opção é o passeio à pé por elas.

 

 

(ii) Passeio pelo Centro: Mendoza possui um pequeno e agradável centro com diversas lojas e praças. Um passeio interessante é andar pelas ruas do centro e fazer um lanche em um dos seus vários cafés.

 

 

(iii) Parque San Martín: O mais lindo parque da cidade. Em estilo europeu, é obra do paisagista francês Carlos Thays e decorado com estátuas, um espelho d`água, um roseiral e fontes. Do Cerro de la Gloria, uma elevação no parque, tem-se uma vista privilegiada de Mendoza e dos Andes. 

 

Gastronomia:

 

Conforme já falei acima, a gastronomia é um das grandes vertentes da cidade! Durante nossa visita conhecemos vários bons restaurantes. Tanto no centro da cidade como nas Bodegas onde é possível fazer em várias delas almoço harm

 

Os restaurantes mais conhecidos e visitados de Mendoza são: Azafrán, Francis Malmman 1884, Maria Antonieta, Q Grill, Francesco, Siete Cocinas, Ocho Cepas, Anna Bistro e o M Bistro (CLIQUE AQUI E CONHEÇA NOSSA EXPERIÊNCIA EM CADA UM DESSES RESTAURANTES).

 

Restaurante Francis Mallman 1884.

 

Pratos do Francis Mallman, Dominio del Plata e O.Fournier.

 

Onde comprar vinhos em Mendoza?

 

Para quem pretende trazer vinhos, existem duas opções para compra. A primeira delas são nas vinícolas que forem visitadas, pois possuem descontos interessantes para os visitantes e a outra opção e comprando nas lojas da cidade.

 

As melhores são a loja Winery, situada rua Chile 898, e a Sol y Vino, situada na Rua Avenida Sarmiento. Ambas essas lojas possuem bons descontos na compra acima de 6 garrafas. Como sempre que viajamos trazemos várias garrafas em cada um dos lugares.

 

Loja Winery.

 

Fotos das lojas Winery e da Sol y Vino.

 

Para quem gosta de compras e shopping, Mendoza possui um pequeno comércio com algumas lojas e um shopping chamado Mendoza Plaza Shopping.

 

Espero que tenham gostado das dicas e qualquer dúvida que porventura tenham é só perguntar que teremos o maior prazer em respondê-los.



Esse artigo foi lido 5312 vezes!

Sobre o Autor

Marcio Vital Valença

Advogado e explorador do mundo nas horas vagas. Conhece mais de 35 países em todos os continentes. Instagram @marcionomundo


Veja Também