Marcio no Mundo




Tudo que você precisa saber sobre Bali, a ilha dos deuses


Publicado em 25 Set 18



Booking.com



Finalmente conseguimos encaixar a mística ilha de Bali no nosso roteiro de viagem. A ilha era um desejo antigo meu, mas como sempre vamos para Ásia no final do ano, mais especificamente no recesso forense, não tínhamos coragem de colocar a Indonésia no roteiro por conta do período de chuvas, contudo, depois de muita pesquisa descobrimos que Bali não é formada apenas de praias e sim de templos, hotéis maravilhosos, restaurantes de altíssima gastronomia e de muita agitação (Leiam  mais sobre nosso roteiro - CLIQUE AQUI).

 

Vejam o vídeo com os melhores momentos da nossa viagem pela Ilha dos Deus:

 


A ilha possui uma infinidade de atrações legais que não precisam de dias ensolarados para curtir em sua plenitude! Pois bem. Como as passagens compradas partimos para Bali.

 

LEIAM NOSSOS OUTROS POSTS DE BALI.

 

Mengwi Temple.

 

A ilha abriga a quase totalidade da pequena população hindu da Indonésia e é o principal destino turístico do país. O ponto mais alto de Bali é o Monte Gunung Agung. A quantidade de vulcões traz um solo rico em nutrientes e sais minerais. A junção disso e de um ótimo sistema de irrigação transforma Bali em um dos melhores lugares para cultivo de arroz. 

 

Um dos vários terraços de arroz de Bali.

 

A ilha de Bali é imensa e é necessário entre 10 a 15 dias para conhecer as suas principais atrações. Passamos 4 dias e saímos com a sensação que não conhecemos nem 40% do que a ilha poderia oferecer. 

 

Quando ir para Bali:

 

Vista de Uluwatu.

 

A estação seca é de abril a outubro, época que praticamente não chove e é muito procurada pelos turistas e surfistas que buscam surfar algumas das ondas mais cobiçadas do mundo.


Já a chuvosa de novembro a março, sendo os piores meses dezembro e março. Fomos em dezembro e já sabíamos do mal tempo! Pegamos 1 dia de muito sol e 2 nublados, mas nada que atrapalhasse nosso itinerário. Sem dúvida na nosso próxima ida iremos no verão e passaremos pelo menos 10 dias. 

 

Visto para Indonésia:

 

 

Antes os brasileiros que pretendiam visitam a Indonésia precisam tirar o Visa on Arrival! Para ter esse visto era preciso desembolsar 35 usd. Contudo, recentemente, mais especificamente em 02/05/2016, o presidente da Indonésia isentou os brasileiros e vários outros países de pagarem essa taxa.


Agora os brasileiros não precisam mais de visto para ingressar e permanecer no país por até 30 dias! Basta apresentar o passaporte com validade de mais de 6 meses da data do retorno e curtir suas férias na ilha. Se for ficar mais de 30 dias é necessário informar na imigração e pagar a taxa.

 

Qual a moeda e qual é o câmbio de Bali:


Bali é conhecida por seu excelente custo benefício. Os preços são muito tranquilos. Hotel, alimentação, transporte, tudo é muito barato. A moeda de Bali é a Rupia Indonésia e passa a falsa sensação de tudo ser caro, porém, quando fazemos a conversão ficamos surpresos com os baixos valores.


O câmbio na época estava em média 1 usd = 13000 Rúpias. Fizemos nosso câmbio no Aeroporto internacional de Bali e o preço estava um pouco pior que o centro de Seminiyak que estava 1 usd = 13500, local onde ficamos hospedados.

 

Onde se hospedar em Bali e suas principais regiões:

 

 

Bali é um daqueles destinos com milhões de tipos de hospedagem. Existem desde resorts super luxuosos com suítes de mais de 1000 metros quadrados como quartos em casa de família onde é possível gastar pouquíssimo reais com as diárias!


Em geral os hotéis de bali são maravilhosas e possuem um excelente custo beneficio. O primeiro passo para se hospedar em Bali é escolher a região que o visitante irá ficar para depois escolher o hotel.


Escrevemos um post com as principais regiões de Bali e outro com 5 dos melhores hotéis da Ilha. CLIQUE AQUI.


O que fizemos: escolhemos ficar hospedados na região de Seminyak, região mais cool de Bali, repleta de bons restaurantes, praias e Beach Clubs.


Ficamos hospedados no Ibis Styles Petinenge, hotel super bem localizado com quartos pequenos, porém bem decorados e confortáveis. Pagamos cerca de 40 usd pela diária já com café da manhã que por sinal é muito bom. A piscina do hotel é bem bacana e a área do bar é bem legal. Mas o melhor mesmo é poder ir para os barzinhos e restaurantes da região a pé ou a poucos minutos de táxi!  


No nosso retorno a ilha tentaremos fracionar nossa estadia da seguinte forma: 2 dias em Seminyak; 4 em Jimbaran em alguns dos vários resorts de luxo da região é 3 em Ubud.

 

Reservem seus hotéis através dos nossos links (banners) do Booking que estão presentes no site! Ganhamos com isso uma pequena comissão e você não terá nenhum custo extra com isso! Apenas estará nos ajudando a postar todo esse conteúdo grátis. 

 

Transporte em Bali:


O trânsito de Bali é caótico e para complicar a mão é inglesa! Não indicaria para ninguém alugar carro ou moto na ilha, mas essa não é uma realidade pois grande parte dos turistas que visitam Bali alugam moto e carro! 


Os aluguéis de carro são baratíssimo! Um carro legal custa em média 25 usd e uma moto cerca de 10 usd ou até menos. 


Como fizemos: contratamos um carro confortável com motorista particular disponível por 9 horas por dia e custou 53,33 usd por dia! Neste valor estava incluído carro, motorista e combustível.  Fizemos nossa contratação com uma empresa indicada pelo hotel que ficamos hospedados e contratamos o serviço por três dias.


Gostamos bastante do nosso motorista que se chamava Wayan. Ele é de bastante confiança, pontual e bastante discreto! Segue o contato para quem tiver interesse em falar com ele +62 8123945398.

 

Gastronomia e restaurantes de Bali:

 

 

O arroz é a base da alimentação de Bali e do restante da Indonésia. A ilha de Bali possui uma infinidade de restaurantes maravilhosos! Muitos deles premiados internacionalmente e os preços são muito acessíveis se comparados aos grandes restaurantes europeus, norte americanos e até mesmo do Brasil.


Comemos muito bem durante a nossa estadia em Bali. Provamos tanto da culinária local como da refinada culinária internacional presente nos grandes restaurantes da ilha! Como se concentramos em Seminyak grande parte dos restaurantes que conhecemos ficam nessa região. Vou falar apenas dos que mais gostamos: 


Sardine: restaurante internacional  bastante refinado com decoração maravilhosa no estilo balinês. Comemos de entrada um delicioso atum selado com caviar é uma salada de polvo e como prato pedimos um peixe na brasa. Tudo isso com vinho branco e cerveja e a conta deu 60 usd o casal.

 

 

La Barocca: restaurante italiano bem descolado na mesma rua do Sardine. Almoçamos no local e tudo estava delicioso! Pedimos brusqueta de entrada e de prato um polvo com batatas. A conta de 25 usd para duas pessoas.

 

 

Metis: um dos melhores restaurantes de Bali. O local é lindooooo, muito bem decorado e possui um cardápio maravilhoso. Pedimos de entrada antepastos vegetariano e como prato um risoto e um linguine de frutos do mar. pedimos também uma água, dois mojitos é uma taça de vinho branco. Gastamos cerca de 75 usd o casal e valeu muito a pena. Sem dúvida no Brasil um restaurante do mesmo nível não sairia por menos de mil reais.

 

 

D' alas Warung: restaurante no meio da floresta de Ubud com uma vista maravilhosa dos terraços de arroz. Pedimos o famoso prato tailandês Bebek Megoren + um Beef + cervejas e gastamos 22 usd o casal! Tudo estava delicioso!

 

 

Jimbaran: não vou falar o nome do restaurante porque acredito que existam outros melhores na área! Essa região é conhecida pelos seus vários restaurantes à beira mar onde são servidos churrasco de frutos do mar escolhidos na hora pelo cliente! Pedimos um peixe típico da Indonésia e camarões + várias e Bitangs beer e gastamos 50 usd. Não é a melhor comida do mundo mas vale a experiência.

 

 

Rock Bar: Bar situado no Ayana Resort, na região de Jimbaran. O local possui uma vista incrível para a praia! O bar abre diariamente às 16:00 horas para o ritual do pôr do sol. Os drinks são maravilhosos e o ambiente incrível. Na minha opinião uma atração imperdível na ilha. OBS.: vá arrumado (sem roupa de praia) senão não entra.

 

 

Ke De Ta: Beach club bastante famoso na região de Seminyak! Passamos réveillon no Ku De Ta de Bali e adoramos! Uma festa super animada, com boas bebidas e um público muito selecionado.

 

Religião em Bali:

 

 

A ilha é muito religiosa! Os povos de Bali e seguem no uma religião chamada Bali-Hinduísmo. É baseada no hinduísmo, mas inclui antigas crenças da tradição de Bali e de Java. Cerca de 75% da população é hinduísta e quase todas as residências possuem um pequeno tempo dentro delas, por isso a ilha é conhecida como um dos locais que mais possuem templos no mundo! Os templos mais tradicionais são: Uluwatu, Tanat Lot, Besakih, Megwi, Pura Ulun, Goa Gajah e o Ubud Palace.

 

Principais templos de Bali:

 

Tanah Lot: é o templo mais famoso de Bali. Fica em uma ilha dentro do Mar. É. Neste local onde acontece um dos pôr do sol mais famosos de Bali. A entrada custa 60.000 mil Rp.

 

 

Mengwi:  foi o primeiro templo que visitamos em Bali. É conhecido como templo da família real. É um templo relativamente grande com um amplo jardim, um portal de entrada grande bonito. Para entrar no templo é necessário pagar uma taxa de 20.000 mil Rp.

 

 

Uluwatu: templo que é símbolo de Bali. Conhecido como Water Temple! O local é imenso e fica na beira de um cliff (penhasco) cercado por uma floresta com vários macacos que são uns verdadeiros trombadinhas.

 

 

A entrada custa 30.000 mil R.p e da direito ao Sarong. É necessário cerca de 2 horas para conhecer o templo com calma. Fomos durante o dia, mas o melhor horário é no final da tarde para ver o pôr do sol. 


Batuan Temple: esse templo não estava em nosso roteiro mas nosso guia nos levou e gostamos bastante! Ele é muito bem cuidado e lembra um templo japonês. 

 

 

Goa gajah: conhecido como templos dos elefantes. Esse é um dos templos mais famosos da região. O templo é lindo e possui várias estátuas com desenhos de elefante, inclusive, uma pequena caverna!

 

 

Gunung Kawi: esse templo lembra muito o Goa Gajah.  Fica no meio das floresta de Ubub, próximo aos retrações de arroz. Para entrar no templo tem que pagar um ticket de 10 mil RP e tem direito ao Sarong.

 

 

Pura Ulun: templo situado beira do lago! Fica bastante afastado das principais atrações da ilha. Infelizmente não fomos pra ele, mas que foi gostou bastante.

 

Praias que visitamos em Bali:

 

 

Padang Padang: é uma das principais praias de Bali. Foi nossa primeira parada na península de Bukit.  Para entrar na praia é preciso pagar 10.000 mil R.p e descer um escadaria de acesso. O local possui uma pequena estrutura e é ótima para o surf. 


Padawa Beach: praia bastante visitadas pelos balineses e é ideal para tomar um banho! 

 

Beach Clubs de Bali:

 

 

A ilha possui diversos locais onde é possível passar o dia escutando uma boa música, tomando bons drinks e com uma ótima vista para o mar. Os dois mais conhecidos são o Potato Head e o Ku de ta, ambos ficam na beira mar de Seminyak.


Fomos para o Réveillon no Ku De Ta e adoramos o local. O Beach Club é muito grande, com excelente infraestrutura, boas musicas é ótima vista para o mar. A comida do local é ótima e os drinks idem.

 

LEIAM NOSSOS OUTROS POST DE BALI.


Enfim, passamos dias incríveis em Bali e com certeza voltaremos para passar mais dias na ilha dos Deuses. Desta próxima vez iremos na no verão para curtir as ilhas próximas de Lombok e Gili Island. Não deixem de ver nossos outros posts da ilha e qualquer dúvida que porventura tenham é só perguntar que teremos o maior prazer em respondê-los.



Esse artigo foi lido 4501 vezes!


Texto Escrito Por:

Marcio Vital Valença

Advogado e explorador do mundo nas horas vagas. Conhece mais de 35 países em todos os continentes. Instagram @marcionomundo



Comentários

Publicidade




Booking.com

Seguro viagem geral 250x250

Encontre-nos no Facebook




Posts Relacionados


Tudo que você precisa saber sobre Bali, a ilha dos deuses

25 Set 18

O sul de Bali: Pagang Padang, Uluwatu, Jambiran e Rock Bar

01 Mai 17

Ubud: conhecendo o verdadeiro espírito de Bali.

22 Jan 17

Posts Mais Populares


Alagoas: Dicas de São Miguel dos Milagres

Alagoas

Guia completo de Maceió

Alagoas

Praia do Patacho - uma das praias mais bonitas do Brasil

Alagoas