China - Visto de Turismo,

  • 04 de janeiro de 2014


Neste post vou mostrar como tirar o visto de turismo para visitar a República Popular da China.

 

Posts relacionados:
 
 
 
 

Documentos necessários:

 1. Passaporte: O passaporte deverá conter no mínimo 6  (seis) meses de validade e uma folha em branco.

 2. Formulário: O formulário de pedido de visto (V2013 Download aqui) deverá estar preenchido sem rasuras e assinado.

3. Fotografia: 01 foto 3X4 de fundo branco recente (A foto não pode ser digitalizada).

4. Cópia da pagina do passaporte que contem a foto e informações

5. Hospedagem: O consulado solicitará vouchers com as reservas dos hotéis em que você estará hospedado de todas as cidades. (Anexe cópias das reservas)

6. Passagem aérea: O consulado exige a passagem de ida e volta. (Anexe cópias da passagem).

7. Vínculo empregatício: Declaração da empresa que trabalha no Brasil comprovando vínculo empregatício, essa carta deve conter data de admissão e cargo de ocupação na empresa (download aqui.) Para empresários, anexar cópia simples do contrato social. Para autônomos e aposentados, elaborar uma carta simples

 8. Roteiro de Viagem: Informar às cidades que possua vouchers dos hotéis

 9. Estrangeiros: Cidadãos estrangeiros deverão acrescentar documento original e cópia simples do RNE, ou protocolo da polícia federal válido original e cópia simples, e preencher o formulário complementar (V2011B download aqui).

10. Dupla Cidadania: Cidadãos com dupla nacionalidade só poderão solicitar o visto no passaporte no Brasileiro.

 

 

Para visitar Hong Kong e Macau não é necessário ter visto. Contudo, caso você esteja pretendendo ir para alguma cidade da China e depois queira ir para essas cidades e voltar para China será necessário o visto de 02 entradas ou múltiplas entradas.

 

Quando tiramos o nosso visto, fizemos tudo através de um despachante! Existem várias empresas que fazem esse serviço. Basta procurar no Google.

 

Inclusive, a tabela acima já mostra o preço que é cobrado por um despachante.

 

Lembrando que todas essas informações podem ser alteradas a qualquer momento, portanto, sempre que for viajar procure saber todas as medidas atualizadas.

 

Até a próxima.




Sobre o Autor

Marcio Vital Valença

Advogado inscrito na OAB/AL n.º 10.836, sócio do escritório jurídico Pontes & Cardoso Advogados, especialista em Direito Civil, Constitucional, Trabalhista e Imobiliário.


Veja Também